Format

JPEG

294 record(s)

 

Type of resources

Available actions

INSPIRE themes

Provided by

Years

Formats

Representation types

Update frequencies

Service types

Scale

Resolution

geoDescCode

cartografia

geographicCoverage

geographicCoverageDesc

inspirecore

referenceDateRange

denominatorRange

resolutionRange

dataPolicy

openServiceType

dataType

dataFormat

From 1 - 10 / 294
  • Serviço de visualização do Atlas do Património classificado e em vias de classificação de Portugal continental, respetivas servidões (zonas gerais ou especiais de proteção) e eventuais áreas de restrição (restrições urbanas e arquitetónicas, areas de sensibilidade arqueológica e zonas non aedificadi) de Portugal continental.

  • Extração do Sistema de Informação para o Património Arquitetónico (SIPA) dos registos relativos aos imóveis classificados e em vias de classificação.

  • O CONVERTE pretende identificar de uma forma objetiva e quantitativa as diferentes tipologias de biomassas endógenas que possam ser aplicadas no curto-médio prazo em soluções tecnológicas economicamente viáveis para a produção de eletricidade, calor, vetores energéticos e em particular biocombustíveis avançados, que cumpram todos os critérios de sustentabilidade definidos pelas Diretivas Europeias, em particular na diretiva ILUC (2015/1513). Este Projeto encontra-se constituído pelas seguintes atividades: Atividade 1 - Potencial para energia da fração orgânica dos resíduos sólidos urbanos; Atividade 2 - Potencial para energia de biorresíduos produzidos em contexto industrial; Atividade 3 - Potencial de Portugal continental para culturas energéticas; Atividade 4 - Tecnologias de conversão e respetivos produtos energéticos; Atividade 5 - Análise de Ciclo de Vida e cálculo do Valor Sustentável e Atividade 6 - Plano de comunicação. No âmbito da Atividade 3, o LNEG desenvolveu uma infraestrutura de dados espaciais para facilitar o intercâmbio e a utilização da informação entre todos os agentes beneficiários numa primeira fase, com visualização e consulta via web. Esses dados são cruciais para a escolha dos locais para culturas energéticas/microalgas e para a escolha da(s) espécie(s) a cultivar, identificando simultaneamente os locais críticos ou limitantes para a sua utilização.

  • Mapa do número de horas anuais equivalentes à potência nominal (NEPs) de Portugal para fins de quantificação e contabilização do contributo de sistemas de micro-produção eólica para o Decreto-Lei nº 118/2013 de 20 de Agosto de 2013.

  • A Carta Neotectónica de Portugal Continental à escala 1:1 000 000 constitui uma edição conjunta dos Serviços Geológicos de Portugal (SGP), da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL) e do Gabinete de Proteção e Segurança Nuclear, cuja principal característica é a representação das principais estruturas geológicas ativas que afetam o território de Portugal Continental.

  • O Atlas Geotérmico de Portugal Continental é um projeto de missão de importância fundamental para o conhecimento geotérmico do país, que é realizado no Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG) de uma forma sistemática há mais de 20 anos. Foi criado na sequência de outros projetos de cartografia, incorporando informação diversa proveniente de várias fontes institucionais e processada de forma que seja aplicada na informação, divulgação, formação e investigação dos vários tipos de geotermia em Portugal Continental e constitua uma alavanca para o desenvolvimento do setor. Constitui um trabalho de investigação dinâmico e em permanente atualização, que integra vários parâmetros com origens diversas, aplicáveis a estudos de geotermia, cujo processamento integrado e homogeneizado permite uma visualização das características geotérmicas do país à escala nacional. Como fontes de informação para a produção da cartografia geotérmica de Portugal Continental processada e direcionada para os vários tipos de geotermia e aproveitamentos geotérmicos, os primeiros trabalhos foram iniciados há mais de 30 anos, constituindo a base das contribuições portuguesas para os sucessivos Atlas de Recursos Geotérmicos Europeus, o último dos quais publicado em 2002. Esta informação complementa-se em permanência com informação geotérmica adicional, cuja aquisição original tenha sido feita com fins geotérmicos e ainda com informação adquirida com outros objectivos geocientíficos.

  • Ortofotomapas à escala 1:5000 com resolução de 0.25m

  • Protótipo com a cartografia geológica, à escala 1:3000, do sector entre Armação de Pêra e a Galé, Algarve, em conjugação com um índice de perigosidade, no presente caso a evolução da linha de costa, com vista ao desenvolvimento de um programa nacional de cartografia sistemática do litoral.

  • A Carta Geológica Simplificada do Parque Natural da Ria Formosa, Reserva Natural do Sapal da Castro Marim e Vila Real de Santo António e Região envolvente constitui uma edição conjunta do Instituto Geológico e Mineiro (IGM), do Instituto de Conservação da Natureza (ICN), da Reserva Natural do Sapal de Castro Marim e Vila Real de Sto. António e do Parque Natural da Ria Formosa, que para além da geologia da região, possui também um layer com os principais sítios de interesse geológico.

  • A Carta Geológica do Parque de Natureza de Noudar à escala 1:10 000 constitui uma edição conjunta do Instituto Nacional de Engenharia, Tecnologia e Inovação (INETI), do Parque de Natureza de Noudar (PNN) e da Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva, S.A. (EDIA), que para além da geologia do Parque da Natureza de Noudar, possui também um layer com os principais locais de interesse geológico.