Catalog

71 record(s)

 

Type of resources

Available actions

Topics

INSPIRE themes

Keywords

Contact for the resource

Provided by

Years

Formats

Representation types

Update frequencies

Scale

Resolution

geoDescCode

cartografia

geographicCoverage

geographicCoverageDesc

inspirecore

referenceDateRange

denominatorRange

resolutionRange

dataPolicy

openServiceType

dataType

dataFormat

From 1 - 10 / 71
  • The Portuguese Mineral Occurrences and Resources Information System (SIORMINP) provides access to geoscientific, technical and economic information on occurrences, reserves and resources, associated commodities, geology, mines, mining activities, mining wastes and areas with mining potential known in mainland Portugal.

  • Geological Map of Portugal, scale 1:1 000 000, LNEG, 2010 modified to be INSPIRE compliant. Layers depicting Geological Units classified according to representative ages and lithologies from INSPIRE vocabularies, Faults and Geomorphologic Features are available. This dataset was formerly prepared in the framework of the OneGeology-Europe project and is harmonised according to Geology INSPIRE data specifications.

  • The Portuguese HydroGeological Resources Database provides geological and hydrogeological information for drill holes, wells, springs and boreholes

  • The geological map of Spain and Portugal at 1:1 000 000 scale is a renewed version of the geological map of the Iberian Peninsula and the territories of Ceuta, Melilla and the Balearic, Canaries, Azores and Madeira islands. This small-scale map is edited jointly periodically by the Geological surveys of Spain (IGME) and Portugal (LNEG). This new version includes for the first time the geological information of the Spanish and Portuguese continental shelves and also the geology of the Atlantic Portuguese islands. This map records all the new geological knowledge provided by the complete survey at 1:50 000 scale in Spain (IGME’s MAGNA Plan) and the systematic geological mapping series developed in Portugal by the LNEG. The continental portion of the map was compiled starting from original drafts at 1:400 000 scale made for every main geological unit: Iberian Variscan Massif, Pyrenees, Betics, Cantabrian and Iberian cordilleras and the Duero, Ebro and Tajo Cenozoic basins for the territory of Spain and the geological maps at 1:200 000 scale in Portugal.

  • Potential areas and centers of production for Portuguese non-metallic rocks and minerals including lithium.

  • Na região do Algarve a “Brecha Algarvia” é uma variedade de calcário ornamental que desde há largos anos é explorada entre São Brás de Alportel e Tavira, sem que para tal alguma vez tenham sido realizados estudos geológicos adequados ao planeamento mineiro e sua integração no ordenamento do território. Para estes propósitos e visando também a salvaguarda dos recursos existentes, a Direcção Regional do Algarve do Ministério da Economia coordenou a execução do “Projecto de Valorização Global – Brecha Algarvia” no âmbito do qual o Instituto Geológico e Mineiro foi responsável pela execução do Sub-Projecto I: “Estudos Geológicos de Caracterização do Recurso “Brecha Algarvia”. Decorrente destes estudos que incluíram sondagens mecânicas com recuperação de testemunho, foi elaborada a cartografia geológica dos recursos nesta variedade de calcários ornamentais.

  • A Carta de Ocorrências Minerais à escala 1:250 000 contem a localização dos depósitos minerais de Portugal Continental, cuja informação se encontra descrita no Sistema de Informação de Ocorrências e Recursos Minerais Portugueses – SIORMINP. Inclui dados referentes à localização, substâncias úteis, dimensão, morfologia e contexto geológico dos depósitos minerais nela representados.

  • O Mapa geológico transfronteiriço da Zona Sul Portuguesa, à escala 1:200 000, foi produzida pelo Instituto Geológico e Mineiro de Espanha (IGME) e pelo Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG), no âmbito do projeto Geo-FPI: Observatório Transfronteiriço para a Valorização Geo-Económica da Faixa Piritosa Ibérica, financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), programa INTERREG VA Espanha - Portugal (POCTEP) 2014-2020. A legenda geológica de ambos os lados da fronteira foi harmonizada com critérios unificados entre Espanha e Portugal. O beneficiário principal do projeto foi o Instituto Geológico e Mineiro de Espanha (IGME), tendo como parceiros o LNEG, a Dirección General de Industria, Energía y Minas de la Consejería de Hacienda, Industria y Energía de la Junta de Andalucía (DGIEM) e a Câmara Municipal de Aljustrel (CMA).

  • Este mapa foi desenvolvido para integrar a 2ª versão do Portal ROP - Rochas Ornamentais Portuguesas. Contém pontos, que correspondem às coordenadas geográficas (centrais) dos locais/núcleos onde são exploradas as rochas ornamentais constantes do Portal ROP. A seleção de cada ponto no mapa permite aceder a uma tabela, que inclui: - código da rocha no Portal ROP; - principais designações comerciais; - tipo de rocha; - descrição macroscópica; - coordenadas geográficas (WGS84); - link de acesso à Ficha Técnica da rocha, no Portal ROP.

  • A Carta Geológica e Mineira da Região de Neves-Corvo, à escala 1:50 000, foi produzida pelo Laboratório Nacional de Energia e Geologia (LNEG), no âmbito do projeto EXPLORA: Definição de novos vetores de conhecimento geológico, geofísico e geoquímico para a região setentrional de Neves-Corvo, financiado pelo programa Alentejo2020. Na produção deste mapa a cartografia geológica de base (Folha de Almodôvar 46C, Oliveira et al., 2016) foi correlacionada com a interpretação de estruturas a partir de levantamentos de campo e de análise de dados geofísicos. O mapa inclui também ocorrências minerais reconhecidas em afloramento e os contornos das massas de sulfuretos da mina de Neves-Corvo (informação cedida pela empresa Somincor-Lundin Mining). A coluna estratigráfica apresentada reflete a investigação feita em Neves-Corvo com base em datação de rochas vulcânicas por isótopos U/Pb em zircões e de rochas sedimentares por palinologia e estudo de sondagens de prospeção mineral.