denominator

250000

65 record(s)

 

Type of resources

Available actions

Topics

INSPIRE themes

Keywords

Provided by

Years

Formats

Representation types

Update frequencies

Status

Scale

geoDescCode

cartografia

geographicCoverage

geographicCoverageDesc

inspirecore

referenceDateRange

denominatorRange

resolutionRange

dataPolicy

openServiceType

dataType

dataFormat

From 1 - 10 / 65
  • This layer provides geographic information related to the polymetallic nodules distribution in the Azores, based on the International Seabed Authority organisation.

  • A série 1501A, na escala 1:250 000, inicialmente de acesso restrito encontra-se actualmente disponível ao público. Também aqui a informação relativa à rede hidrográfica incluí todas as grandes massas de água, principais cursos de água e algumas áreas que ainda são incorporadas nesta classificação para esta série específica. Esta cumpre a especificação (NATO) MIL-J-89100 (requisitos para a “Defense Mapping Agency's (DMA) 1:250,000 Scale Joint Operations Graphics Series 1501 Air”).

  • A série M586, compreende um total de 8 folhas contendo uma quantidade ainda significativa de informação hidrográfica. A informação relativa à rede hidrográfica incluí todas as grandes massas de água, principais cursos de água e algumas áreas que ainda são incorporadas nesta classificação para esta escala.

  • Inclui-se nesta série alguma informação relativa à Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP). Esta é uma carta administrativa que regista o estado da delimitação e demarcação das circunscrições administrativas do território nacional. A responsabilidade da sua execução é do Instituto Geográfico Português (por Despacho Conjunto nº 542/99, de 31/05/1999, publicado no D.R. nº156 de 07/07/1999). No que às unidades administrativas diz respeito esta série cumpre a especificação (NATO) MIL-J-89100 (requisitos para a “Defense Mapping Agency's (DMA) 1:250,000 Scale Joint Operations Graphics Series 1501G”).

  • Cartografia topográfica em formato vectorial à escala de 1:250 000 para Portugal Continental e das Regiões Autónomas dos Açores e da Madeira. Contém os temas Rede Hidrográfica, Redes de Transporte e Toponímia em formato vetorial. Os principais objetos são a linha de costa, os cursos de água (naturais ou artificiais), as valas, as lagoas, as albufeiras e as principais barragens, a rede ferroviária, a rede viária, os aeroportos e os transportes marítimos e os topónimos das povoações, as designações locais e as áreas construídas. Informação técnica mais detalhada acerca do produto e os custos de acesso aos dados podem ser obtidos em https://eurogeographics.org/products-and-services/euroregionalmap/

  • A série 1501A, na escala 1:250 000, inicialmente de acesso restrito encontra-se actualmente disponível ao público. Também esta inclui informação relativa ao edificado inclui a tipificação da sua utilização (fins habitacionais, comerciais, segurança, educação, governamental, militar, religioso, recreativo, justiça, etc.) e ainda informação cadastral considerada de interesse militar. Esta série cumpre a especificação (NATO) MIL-J-89100 (requisitos para a “Defense Mapping Agency's (DMA) 1:250,000 Scale Joint Operations Graphics Series 1501A”).

  • Sistema de quadrícula geográfica adoptada para cartografia militar produzida no IGeoE.

  • Carta das Unidades de Paisagem de Portugal Continental. Esta carta identifica 128 unidades de paisagem, associadas em 22 grupos de unidades (de A a V) de âmbito regional, resultado de um estudo que deu origem à publicação "Contributos para a Identificação e Caracterização da Paisagem em Portugal Continental". É gerido pela DGT.

  • Inclui-se na série M586 alguma informação relativa à Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP). Esta é uma carta administrativa que regista o estado da delimitação e demarcação das circunscrições administrativas do território nacional. A responsabilidade da sua execução é do Instituto Geográfico Português (por Despacho Conjunto nº 542/99, de 31/05/1999, publicado no D.R. nº156 de 07/07/1999).

  • Toda a actividade exercida pelo IGeoE é decorrente da missão que lhe está superiormente atribuída. A Nato na prossecução de objectivos comuns, não só no âmbito militar mas também noutras áreas, ao dispôr de um vasto suporte científico e tecnológico dado pelos países que a integram, reconhece as vantagens da adopção de um sistema de georeferenciação único. Foram então dadas indicações aos países membros através da directiva AD-80 (Allied Command Europe Directive 80) para se passar a utilizar o sistema de georeferenciação WGS84, sugerindo adicionalmente a criação de programas de conversão para toda a cartografia existente.